19 de Abril de 2017

Sugestões Litúrgicas para o Tempo Pascal

Publicado por Autor:Pe Paulo Roberto
  1. II Dom de Páscoa (23.04)
  2. Pode-se entrar com o quadro do Jesus misericordioso na procissão de entrada ou logo depois da acolhida.
  3. Destaque-se o círio pascal com uma procissão de entrada na aclamação do Evangelho trazido por alguém de túnica branca ou no Glória com um grupo de jovens dançando. Pode ser incensado o Círio. Convidem o povo repetir: “Bendito seja o Cristo Ressuscitado que fez sua misericórdia brilhar sobre nós!”
  4. Depois da proclamação do Evangelho, cante-se um canto pascal e entram três pessoas de túnicas brancas trazendo 3 presentes. Dentro de cada caixa haverá as seguintes palavras. Na primeira caixa: a paz; na segunda: o Espírito Santo; na terceira: o perdão dos pecados. Combinar com o presidente da celebração para falar sobre os 3 presentes do Cristo ressuscitado à comunidade.
  5. III Dom de Páscoa (30.04)
  6. O Círio pascal seja levado na procissão de entrada ladeado de pessoas com flores.
  7. Na saudação, o presidente convida cada um dizer para o outro ao seu lado: “Não tenha medo, Jesus Ressuscitado caminha com você!”
  8. O Evangelho seja dialogado.
  9. Na procissão das ofertas, fazendo referência à presença de Jesus na Palavra, no Próximo e no pão, entram pessoas trazendo a Bíblia, um pão e a terceira, trazendo a frase “Jesus está no seu próximo”.
  10. IV Dom de Páscoa (07.05)
  11. Por ser o mês dedicado à Maria e, por celebrarmos este ano, 100 anos das aparições de Fátima e 300 do encontro da imagem de nossa Senhora Aparecida, depois da acolhida, com um comentário adequado, entra um grupo de pessoas trazendo uma imagem de Nossa Senhora que será colocada em destaque junto ao altar.
  12. Antes do Glória, faça-se o acendimento solene do Círio Pascal cantando: “Ó luz do Senhor que vem sobre a terra, inunda meu ser permanece em nós!”
  13. A primeira leitura pode ser dialogada entre Pedro e o narrador.
  14. Na aclamação ao Evangelho, um jovem vestido de pastor e cajado entra rodeado de crianças e se colocará no altar até o final do evangelho.
  15. Cante-se as respostas da Oração Eucarística.
  16. V Dom da Páscoa (14.05)
  17. A saudação inicial pode ser feita de acordo com a segunda leitura: “Irmãos e irmãs, desejo-vos que a misericórdia de Deus, nosso Pai, vos mantenha firmes, como pedras vivas, na vivencia do amor de Jesus, caminho, verdade e vida, cheios da fortaleza e da alegria de seu Espírito”
  18. Na aclamação do Evangelho ou depois do oremos, um jovem de túnica amarela, simbolizando a fé no Ressuscitado, entra trazendo o livro dos evangelhos, com pessoas com flores ao lado.
  19. Cantar a profissão de fé.

VI Dom de Páscoa (21.05)

  1. Acender solenemente o Círio Pascal.
  2. Na aclamação ao Evangelho, alguém entra simbolizando Moisés e trazendo as duas tábuas da Lei só com os algarismos romanos. Atrás vem uma pessoa com a frase: “Se me amais, guardai meus mandamentos”
  3. Na procissão das ofertas, uma pessoa de túnica vermelha traz uma vela vermelha enfeitada de flores. Atrás alguém traz a frase: “Vamos nos preparar para acolher o Espírito Santo!”.

Ascensão do Senhor (28.05)

  1. Entrar com o Círio Pascal, sendo trazido por uma pessoa de túnica com fitas. As pessoas ao redor seguram as fitas brancas do Círio Pascal. Seja o suporte do Círio enfeitado com flores.
  2. No oremos, faça-se um momento de silêncio para se rezar pela unidade dos cristãos. Pessoas trazem os nomes das Igrejas do Conic (Conselho Nacional de Igrejas Cristãs): Igreja Católica, Ortodoxa, Anglicana, Presbiteriana Unida, Luterana.
  3. No Glória, uma dança bonita trazendo palavras sobre a missão do cristão: ação, envio, trabalho pastoral, anúncio, testemunho etc.
  4. Declamar a I leitura com bastante ênfase.

Pentecostes (Pentecostes)

  1. No canto de entrada, um jovem de túnica vermelha traz o Círio Pascal acompanhado de 12 jovens trazendo velas vermelhas.
  2. A I leitura seja declamada
  3. Na aclamação do Evangelho, entra-se com o Evangeliário e as pessoas próximas do corredor joguem pétalas de flores.
  4. Profissão de fé com a mão direita voltada para o Círio Pascal.
  5. No canto do santo, os doze jovens com velas vermelhas ladeiam o presidente da celebração. Na doxologia (Por Cristo, com Cristo…) levantam as velas.
  6. No final da missa, faça-se o apagamento solene do Círio. O comentarista diz que depois de 50 dias, sabendo que a Luz do Ressuscitado brilhou no coração de cada um, pode-se apagar o Círio. Convide-se ao povo a uma oração silenciosa e se apague o Círio ou incense-o antes de apagá-lo. Uma pessoa vestida de túnica verde tira o Círio do altar. Explique-se para o povo que entraremos no tempo da esperança (verde), o Tempo Comum.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *